ENVELHESCÊNCIA - UM FENÔMENO DA MODERNIDADE À LUZ DA PSICANÁLISE

(ref.: 9788571373334 (CO))

Autor: Sylvia Salles Godoy de Souza Soares
Editora: Escuta
Ano: 2012
Número de páginas: 216
Categoria Principal: 

  • Compartilhe:
R$ 71,00
  • Sumário
  • Sinopse

Prefácio, Claudio Rossi; 11

Apresentação, Leda Hermann; 15

Introdução; 19

PRIMEIRA PARTE
CONCEPÇÕES DE ENVELHECIMENTO E A PSICANÁLISE

1. O tempo - O contexto - A identidade - A representação; 27

2. Uma perspectiva do envelhecimento: sua natureza e sua história sob a égide da ideologia, do poder, da honra; 31

3. O cenário do envelhecimento na contemporaneidade; 45

4. A senescência sob o olhar da literatura; 57

5. Concepções teóricas em psicanálise; 61

6. O corpo no envelhecimento e sua imagem na construção da identidade; 71

7. A identidade feminina: herança ou mito?; 79

8. O narcisismo; 89

9. Luto e Melancolia. Luto primordial; 93

SEGUNDA PARTE
O TRABALHO CLÍNICO

10. Histórias de experiências clínicas; 103

11. Nas entrelinhas da teoria e da prática clínica; 133
O corpo no tempo e espaço; 134
O narcisismo e a feminilidade; 136
O processo de identificação - A identidade pessoal; 139
A feminilidade e a sexualidade: o que é ser mulher...; 143
As nuances da identidade e seus reflexos na representação do desejo; 147
O tempo da memória; 150
O processo de luto e a melancolia; 156

12. O método da psicanálise e o exercício clínico; 167

Epílogo; 193

Referências; 207

Sylvia Godoy nos apresenta, neste livro, um estudo aprofundado sobre o segnificado da passagem do tempo na alma feminina, passagem esta que ele denomina fase de envelhescência.
Partindo do conceito do psicanalista A. Ferrari sobre o "eclipse do corpo" - que postula que mente e corpo estão em constante busca de equilíbrio - podemos entender que a mulher sofre, de maneira intensa, as modificações que o biológico lhe impõe.
A perda da possibilidade de procriação, pelo advento da menopausa, somadas às transformações familiares e sociais com que a mulher tem que se deparar, trazem à tona, nitidamente, a crise de indentidade: a feminilidade está em jogo!
Nessa faze da vida o corpo sai do eclipse que a idade adulta lhe permitira; é um momento em que a vida psíquica, à semelhança da adolescência, terá que se debruçar sobre esse corpo novo e refazer uma nova aceitação e integração entre o corpo e a mente.
É pela participação que Sylvia viveu na experiência clínica com suas pacientes, tanto como mulher quanto como psicanalista, que ela pode penetrar mais agudamente nesse universo feminino e transformar a angústia em esperança.

Myrna Pia Favilli
Membro efetivo e analista didata da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo. Professora convidada do Curso de Especialização em Psicoterapia Psicanalítica, do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo - USP

    FORMAS DE PAGAMENTO

    REDES SOCIAIS