POR AMOR A FREUD - MEMÓRIAS DE MINHA ANÁLISE COM SIGMUND FREUD

POR AMOR A FREUD - MEMÓRIAS DE MINHA ANÁLISE COM SIGMUND FREUD


Autor: Hilda Doolittle

Tradução: Pedro Maia

Prefácio: Elisabeth Roudinesco

Coleção: Transmissão da Psicanálise

Editora: Jorge Zahar

Ano: 2012

Número de páginas: 275

Categoria Principal: FREUD



R$64,90

até 2x de R$32,45 sem juros

1 unidade em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

A poetisa americana Hilda Doolittle, batizada por Ezra Pound com o pseudônimo H.D., encontrou-se com Freud pela primeira vez em 1933. Analisada do mestre da psicanálise entre 1933 e 1934, registrou esse período de convivência intensa em dois tocantes depoimentos: Escrito na parede, a memória desse tratamento, e Advento, compilação dos diários mantidos por ela durante a análise.

A relação entre mestre e paciente se tornou mais profunda e Freud acabou considerando-a uma espécie de aluna, com sensibilidade o bastante para compreender suas teorias e técnicas.

Como em seus romances e poemas, H.D. reinventa um mundo oculto de mitos e fantasias nos textos. Há lembranças de infância, fatos, sonhos. Conforme assume um tom cada vez mais autobiográfico, surgem na narrativa nomes de seus amigos próximos, personalidades que marcaram a história,como Ezra Pound e D.H. Lawrence, já que ela vivia entre a elite cultural da época, cercada de escritores, artistas e intelectuais.
Considerada a mais preciosa e divertida apreciação da personalidade de Freud por Ernest Jones, seu biógrafo, a obra é publicada pela primeira vez em português e em sua versão estendida. A edição brasileira traz também apresentação de Elisabeth Roudinesco, fotografias e uma seleção da correspondência de H.D. com Freud e com Bryher, sua companheira de vida.

Nota da edição francesa, 7
Prefácio, 9

Escrito na parede, 37

Advento, 139

Anexo: Correspondência
Correspondência entre Hilda Doolittle e Freud, 211
Correspondência entre Hilda Doolittle e Bryher, 232



Forma de pagamento

Forma de pagamento