SOFRIMENTO PSÍQUICO À MARGEM DO SUS - VASTIDÃO E CONFINAMENTO NA CLÍNICA

SOFRIMENTO PSÍQUICO À MARGEM DO SUS - VASTIDÃO E CONFINAMENTO NA CLÍNICA

Código: 9788555240379 (CO)

Marca: Zagodoni


Autor(a): Teresa Cristina Endo

Editora: Zagodoni

Coleção: PensarAgir em Saúde Mental; 1 / Coordenação: Paulo Amarante

Ano: 2017

Número de páginas: 140

Categoria Principal: Psicologia da Saúde



R$54,00

até 2x de R$27,00 sem juros

3 unidades em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

O atendimento clínico no Sistema Único de Saúde (SUS) foi se constituindo como um material para a produção de narrativas clínicas sobre dependência de drogas e outros psicoativos, numa abordagem que possa orientar as práticas clínicas, permitindo uma reflexão analítica mais ampla. Os usuários de saúde mental, vistos como marginais do ponto de vista do sistema de direitos, ainda são maciçamente mantidos dentro das paredes de confinamento oficial da insanidade, banidos da sociedade, mas agora do lado de fora das paredes, o que evidencia a urgência em saber mais sobre a função desta situação clínica, seus fundamentos e pressupostos básicos.

INTRODUÇÃO; 17

A ESCRITA: A IMPORTÂNCIA DOS REGISTROS DAS PRÁTICAS; 17

A LINHA DIVISÓRIA COMO SITUAÇÃO PROBLEMÁTICA; 19

FRONTEIRAS DA CLÍNICA: O ATENDIDMENTO MARCADO PELA DIFERENCIAÇÃO DOS ESPAÇOS E DOS CORPOS; 20

MODOS DE CUIDAR EM SAÚDE MENTAL: ASSISTÊNCIA, CLÍNICA E PSIQUIATRIA; 23

A CLÍNICA NO SUS; 26

O GRANDE CONFINAMENTO; 30

1. SOBRE O MÉTODO: CONFINS OU LIMITES DA PESQUISA NA CLÍNICA; 33

AS MARGENS; 33

O MÉTODO CLÍNICO; 37

O COTIDIANE DAS PRÁTICAS CLÍNICAS; 42

2. TERRITÓRIOS DA EXCLUSÃO; 45

A LEI DOS POBRES; 45

DESIGUALDADES NECESSÁRIAS; 47

SELEÇÃO NATURAL AO ACESSO UNIVERSAL; 54

A EXCLUSÃO DOS OUTROS DIFERENTES; 56

ESTAR À MARGEM; 58

A INSERÇÃO DO USUÁRIO NA CLÍNICA E NO TERRITÓRIO: O DENTRO E O FORA DA PRÁTICA CLÍNICA; 60

3. O PROFISSIONAL DE SAÚDE E SEUS AFETOS NA PRÁTICA CLÍNICA; 69

OS HUMORES MELANCÓLICOS; 69

O SERTÃO E SEUS VAZIOS: A EXPERIÊNCIA DE VASTIDÃO À MARGEM DOS SUS; 75

DO FRENÉTICO RITMO DO TRABALHO INSTITUCIONAL AO TEMPO DA CLÍNICA; 80

4. O COTIDIANO DA CLÍNICA NO SUS; 87

O CASO PATRÍCIA: O HORROR AO ESTRANHO; 87

O CASO LEVE: MADALENA; 95

O VULNERÁVEL: O CASO DO SELVAGEM DA BICICLETA; 102

O EXTRAVAGANTE E O INVISÍVEL: OS CASOS MARILENE E SILVIO; 113

5. CONSIDERAÇÕES FINAIS; 125

A CLÍNICA NO SUS; 125

A TEMPORALIDADE, O DESAMPARO; A DEPRESSIVIDADE DA CLÍNICA; 127

REFERÊNCIAS; 133



RECEBA NOSSAS OFERTAS
E LANÇAMENTOS

Forma de pagamento

Forma de pagamento