CLOWNAGENS

CLOWNAGENS

Código: 9788587727619 (CO)

Categorias: Lacan / Lacan

Marca: Novamente


Autor: MD Magno
Editora: Novamente
ISBN: 9788587727619
Ano: 2012
Nº págs.:216
Peso: 390 grs
Categoria Principal: Lacan

leia mais

R$43,87

até 2x de R$21,94 sem juros

2 unidades em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

Em Clownagens, livro que transcreve seu Falatório de 2009, MD Magno retoma sua teoria dos Cinco Impérios da Cultura, introduzida em 1994, e afirma que estamos entrando no Quarto Império: o Império da hegemonia do Espiritual, da ordem do soft, da pura e neutra Informação, que prescinde de noções como sujeito, objeto ou símbolo tão caras ao século XX.

Sumário

1. 28 março, 13
Bipolaridade do Quarto-Império em vocação maníaco-depressiva - Clonagem
do Secundário, transmissão cultural e neo-etologia - Força do neo-etológico
resulta em resistência à análise - Questões sobre transformação do neo-
etológico em etossomático por repetição - O mercado é o pathos do capital -
Passagem para o Quarto Império define início da hegemonia da pura informação
- Considerações sobre a importância clínica do creodo antrópico - História
da psicanálise a partir dos estratos sintomático-culturais dos impérios - Cada
análise repete necessariamente a escavação arqueológica dos impérios.

2. 02 maio, 27
Crítica à ideia de universal- ALEI Haver desejo de não-Haver é um genérico,
c não um universal - Verdade: enunciado sustentador de uma composição
supostamente explicitada - Qualquer conhecimento é da ordem do provisório
- Relações entre crença, religião e paranoia - Consideração das fórmulas
quânticas da sexuação à luz da crítica ao universal - Vetorização progressiva e
regressiva na produção teórica em psicanálise.

3. 14 maio, 41
Abordagem das afetações a partir do binômio angústia/desejo - Angústia/desejo
são dois alei os da pulsão - Consideração sobre o sonho da injeção de Irma,
de Freud - Todo sonho é um anteparo à angústia - Indiciação do binômio
angústia/desejo em Melanie Klein e sua elaboração em Jacques Lacan - Haver
sob pulsão é desejante e angustiante.

4. 30 maio, 52
Forças de investimento decidem do desejo ou da angústia - Desejo e angústia
e seus vetores opostos (positivo e negativo) - Afetações têm bases primárias-
Psicanálise (Ocidente) e Zen (Oriente) como exemplos de suspeição e suspensão
do Secundário - Consideração dos conceitos freudianos de sublimação e
formação reativa - Modo psicanalítico de transar as afetações: secundário em
movimento, informação e operação de informação.

5. 20 junho, 64
Comentários sobre o livro Le Siêcle de Freud: Une Histoire Socialc et Culturelle
de Ia Psychanalyse, de Eli Zaretsky - Indivíduo (Freud), sujeito dividido
(Lacan) e pessoa (MD Magno) como mudanças históricas acompanhadas
pela psicanálise - Pessoa é resultante vetorial de formações em regime de
polarização, com foco e franja - Operação psicanalítica é transformação e
recomposição das formações de uma pessoa.

6. 04 julho, 75
Breves considerações do revirão desejo-angústia aplicado aos Cinco Impérios
- Consequências do conceito de pessoa para a formação analista e o processo
de análise - A formação analista é uma função - A formação analista é polo e
foco do processo analítico - Cais Absoluto como lugar desde onde a formação
analista com-sidera com indiferença uma pessoa - Referência ao Cais
Absoluto permite análise das clonagens e ana-fetação - Experiência clínica:
meta-morfose permanente do analista e do analisando - Esclarecimento
sobre o caminho do meio da psicanálise - A análise é auto-recursiva - A
psicanálise é uma ciência conjetural.

7. 08 agosto, 85
Presença do revirão nas articulações de Freud - Halo significante: instância
conceitual no inconsciente e expressão conceitual na consciência - Implicações
do halo significante para a questão do conhecimento - Quebra de simetria
impõe disjunção c recalque - Comentários sobre a noção de perspectivismo
em Eduardo Viveiros de Castro - Ciência como herdeira imediata da magia
- Revirão na figura de São Sebastião: salvador e desejado - Conhecimento é
transa recíproca c quiasmática entre formações - Transa de formações produz
conhecimento-isso.

8. 15 agosto, 102
Aspectos teórico-clínicos da psicanálise a partir do creodo antrópico - Édipo
(Freud) é formação de base do segundo império - Nome do Pai (Lacan) é
tradução de terceiro império - Outras considerações sobre o perspectivismo
antropológico - Exemplos de desconfiguração sintomática em sonoridade,
visualidade, literalidade, narrativa e identidade - Discussão sobre a noção de
temperamento - Questão da falta no mundo contemporâneo.

9.29 agosto, 118
O Inconsciente é caótico - Revirão: regra simples para a complexidade -
Conceito de Hcgcmonia das formações - Formações primárias e as penúltimas
psicanálises - Poderes de contenção e o retomo do recalcado - Funcionalidade
e patogênese das formações primárias - Transferência como transposição de
estados mentais para outrem - Bases primárias da competência transferencial
nesta espécie - Psicose e excesso de transferência - Afecções psíquicas são
exageros de funções normais - Dois extremos da transferência: transferência
radical e falta de transferência - Formações secundárias funcionam como
imprinting postiço - Juízo foraclusivo: suspender e indiferenciar a contenção.

10. 12 setembro, 133
Haver, ser e existência no Revirão - Funcionamento bipolar no Revirão -
Halo significante e bifididade - Língua bipolar e inconsciente bífido - Relação
entre determinação e livre-arbítrio - Proposição de duas formações básicas de
conhecimento: paranoia e metanoia.

11. 26 setembro, 148
Expedientes de formação na instituição - Esquema escalar para metanoia
e paranoia - Psicanálise transita entre metanoia e paranoia - Formações
dominantes e formações recessivas - Epigenética e a critica ao estruturalismo
genético - Estado de crítica permanente com os achados do século XXI -
Reconsideração do pensamento de Lamarck - A Arte não existe.

12. 10 outubro, 162
Comentário sobre o livro L Inscription corporelle de lesprit: sciences
cognitives et expérience humaine, de Francisco Varela, Evan Thompson e
Eleanor Rosch - Idéia de vazio no pensamento oriental - Transa, presença
e impermanência no conhecimento - Experiência psíquica de entendimento
de quem é EU - Vazio é ponto bífido - Pensamento reativo em análise -
Diferocracia é govemança sem fundamento - Formação do analista deveria
produzir hegemonia de postura analítica.

13.24 outubro, 177
Elemento místico em Wittgenstein e o estatuto místico da psicanálise - Para
Badcock a psicose é hiper expressão feminina e o autismo, hiper expressão
masculina - Entendimento da possibilidade e eficácia da intervenção
secundária nas formações primárias - Tendências patemáticas podem ser
epigeneticamentc induzidas - Funcionalidade da psicanálise é promover
transa de formações c indiferenciar formações - Funcionalidade do conceito
de Hipcrdcterminação.

14.07 novembro, 191
Achados pertinentes das ciências cognitivas e epigenética - Crítica ao
automatismo genético - Questões sobre as possibilidades efetivas de intervenção
secundária no Primário - Duas formações de conhecimento: metanoia e paranoia
- Algumas teses sobre o conhecimento: atribuição de conhecimento às transas
entre formações primárias; eu é conhecimento resultante; conhecimento
é registro - O campo da psicanálise não é disciplinar - Vantagem da tópica
Primário/Secundário/Originário - Os extremos da metanoia e da paranoia -
Jullien c as relações entre psicanálise e pensamento chinês.



RECEBA NOSSAS OFERTAS
E LANÇAMENTOS

Forma de pagamento

Forma de pagamento