LOUCOS E MEDUSAS

LOUCOS E MEDUSAS

Código: 9788520005934

Categorias: Histeria / Novidades no site


Autor: JULIET MITCHELL
Tradução: MARIA BEATRIZ MEDINA
Editora: CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA
Ano: 2006
Número de páginas: 447
Categoria: PSICOPATOLOGIA

leia mais

R$49,92

até 2x de R$24,96 sem juros

2 unidades em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

A histeria desapareceu? Será que ela desistiu? Mas o que exatamente é a histeria? Precisamos da palavra para descrever as conseqüências de experiências que sejam fundamentais para a condição humana em todas as sociedades e sem a qual perdemos o entendimento dessas experiências tanto em mulheres quanto em homens? Resistindo às tendências do pós-modernismo e do desconstrutivismo, LOUCOS E MEDUSAS oferece uma descrição da histeria através da história e das culturas. Aqui, Juliet Mitchell defende que a histeria é sempre uma condição humana potencial, com manifestações variadas mas persistentes em culturas e épocas diferentes. Usando exemplos tirados da antropologia, de casos de Freud, da literatura e de outras teorias psicanalíticas adaptadas a seu próprio trabalho clínico, Mitchell afirma que, embora a histeria possa ter desaparecido como categoria de doença, foi só seu entendimento médico e psicológico, e não a histeria propriamente dita, que desapareceu. Na busca da origem da histeria e dos sintomas histéricos, Mitchell desenvolve uma nova e importante teoria psicanalítica que destaca os relacionamentos laterais em relação àqueles entre gerações. Embora não conteste a importância do Complexo de Édipo, Mitchell defende que sua descoberta bloqueou nosso entendimento da histeria. Ela propõe uma ordem diferente, uma que envolve os irmãos. Os relacionamentos entre irmãos, diz Mitchell, são a grande omissão tanto na teoria psicanalítica quanto na prática clínica. Depois de uma visão geral das principais teorias da histeria do século XX, LOUCOS E MEDUSAS traz uma discussão impressionante e convincente da histeria como instrumento para entender a condição humana.

PREFÁCIO 9

AGRADECIMENTOS 13

CAPÍTULO 1
Histeria 15
I. UMA BREVE HISTÓRIA: PASSADO E PRESENTE 17
II. HISTERIA E PSICANÁLISE 37

CAPÍTULO 2
Sigmund Freud: fragmento de um caso de histeria em um homem 65

CAPÍTULO 3
Dora: fragmento de um caso de histeria em uma mulher 111

CAPÍTULO 4
Para onde foi toda a histeria? 143

CAPÍTULO 5
Sexualidade, morte e reprodução 173

CAPÍTULO 6
Da histeria à maternidade 203
I. O HOMEM HISTÉRICO E O SURGIMENTO DA TEORIA DAS RELAÇÕES OBJETAIS 205
II. A MULHER HISTÉRICA OU A HISTERIA FEMINIZADA 234

CAPÍTULO 7
Vazio e possessão 251
I. A MENTE-CORPO DA HISTERIA 253
II. A ATRIBUIÇÃO DA POSSESSÃO A UM DOS SEXOS 284

CAPÍTULO 8
A mentira histérica 299
I. DON JUAN E A NORMALIZAÇÃO DA HISTERIA MASCULINA 301
II. O HONESTO IAGO E O DISCURSO DIABÓLICO 323

CAPÍTULO 9
Trauma 339
I. HISTERIA, MEMÓRIA E TRAUMA 341
II. ONDE ESTOU? O TRAUMA E A QUESTÃO DO RECONHECIMENTO 360

CAPÍTULO 10
Histeria: da catástrofe ao trauma 381

NOTAS 415
BIBLIOGRAFIA SELECIONADA 421
ÍNDICE REMISSIVO 431



RECEBA NOSSAS OFERTAS
E LANÇAMENTOS

Forma de pagamento

Forma de pagamento