EDUCAÇÃO INCLUSIVA - PARA TODOS OU PARA CADA UM? ALGUNS PARADOXOS (IN)CONVENIENTES

EDUCAÇÃO INCLUSIVA - PARA TODOS OU PARA CADA UM? ALGUNS PARADOXOS (IN)CONVENIENTES

Código: 9788571373761 (CO)

Marca: Escuta


Autor(a): Kelly Cristina Brandão da Silva

Editora: Escuta

Ano: 2016

Nº páginas: 320

Categoria Principal:  Psicologia e Educação



R$83,93

até 2x de R$41,97 sem juros

1 unidade em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

A questão que incide no espaço escolar de forma contundente na atualidade concerne ao fato da Educação cada vez mais prescindir da dimensão artística e privilegiar a dimensão técnica. A exacerbação do tecnicismo significa o predomínio do caráter replicável e serial, oriundo da fabricação de objetos, em uma tarefa eminentemente humana, a educação. Considerá-la como arte, e não meramente como técnica a ser aplicada (e replicada), exige que a mão do oleiro deixe marcas na argila, o que requer uma mudança subjetiva ¿ tanto do professor quanto do aluno ¿ a partir de uma experiência em conjunto. Isso não ocorre na massa, dada sua dimensão artesanal. Menos ainda quando se trata do chamado aluno especial, o qual não se dilui no todo.

Prefácio,Rinaldo Voltolini 11

Introdução 15

Capítulo 1
Furor includenti: uma faceta contemporânea 33
Lepra e peste: o que a inclusão tem a ver com isso? 33
Revista Nova Escola: um ícone da nossa época 40

Capítulo 2
A ruptura com a tradição e a consequente ascensão do especialista 57
Tradição: o fio que nos liga ao passado 58
A experiência narrativa em declínio e a valorização da short story 67
Saberes e mais saberes: o que ainda resta saber? 84
Especialista: livre da tradição e da experiência 104

Capítulo 3
Classificação, norma e nomeação: face oculta da inclusão? 117
A transversal idade da Educação Especial 119
A Educação Especial como subsistema 124
A influência da Medicina 127
A influência da Psicologia 132
O diagnóstico e a exclusão do sistema regular de ensino. 140
Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva 146
O professor como especialista 175
O professor deficitário 175
O professor higiênico 177
Professor eficiente é aquele que se antecipa 183
Professor à procura d O aluno 186
Enfim, um professor-especialista para um aluno-hóspede 195
Protocolos da Educação Inclusiva 202
Nomeação: que nome dar ao hóspede? 211
Parceria entre escola e família 222

Capítulo 4
Não só para todos mas ainda para cada um 241
O irredutível da pulsão 243
O especialista e o apagamento da alteridade 251
A lei como tabu 256
Para todos? 262
Para cada um? 273

Considerações finais 281

Referências 287

Anexo A 303
Anexo B 314
Anexo C 317



RECEBA NOSSAS OFERTAS
E LANÇAMENTOS

Forma de pagamento

Forma de pagamento