FREUD PRECURSOR DE FREUD

FREUD PRECURSOR DE FREUD


Autor: Ola Andersson
Editora: Casa do Psicólogo
Ano: 2000
Nº págs: 362
Peso: 488 gramas
Categoria Principal: Freud

leia mais

R$100,10

até 2x de R$50,05 sem juros

1 unidade em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

O livro de Andersson, originalmente uma tese de docência, é uma preciosidade para acompanharmos o Big-Bang da Psicanálise que permaneceu ignorada, provavelmente por ter tido a infelicidade de ser escrito no momento errado. De fato, a partir da década de 50 surgiram projetos importantíssimos para a história da Psicanálise. Tomando um rumo próprio, Andersson procurou acompanhar a evolução interna da obra de Freud, como ele ia metabolizando uma série de influências e mesclando-as com suas experiências clínicas e intuições teóricas: para tanto, selecionou como campo de estudo a questão da etiologia das psiconeuroses no período entre 1886 e 1896, antes, portanto, de Freud empregar o termo psico-análise.

Prefácio à Edição Brasileira...................................................... 7

Apresentação .......................................................................... 15

Prefácio.................................................................................. .. 31


Primeira Parte:

Estudos sobre a pré-história da psicanálise

(a etiologia das psiconeuroses e alguns termos

correlatos na obra científica e nas cartas de Sigmund Freud de 1886 a 1896) .................................... 33


Introdução......................................................................... ....................................... 35

I. As Fontes.............................................................................................. ............................. 51

II. Freud comentador das idéias de Charcot sobre a histeria (1886-1887) ....................................................... 65

III. Freud e a controvérsia sugestão-auto-sugestão,

a propósito da formação dos sintomas histéricos (1888-1889)..................................................................... 87

IV. Busca de uma fórmula para a histeria, e primeiras críticas de Freud

à doutrina de Charcot sobre a hereditariedade (1892-1893) ....................................................... 123

V. Introdução do conceito de defesa (abwehr) e da etiologia sexual (1894) ................................................. 171

VI. O problema da repressão e a introdução da etiologia infantil (1895) ............................................... 217

VII. As idéias etiológicas de Freud no início de 1896........ 261

Conclusão .............................................................................. 277

Referências Bibliográficas .................................................... 287


Segunda Parte:

História do caso Emmy v.N., apresentado por Freud nos Estudos sobre Histeria................................. 309


Terceira Parte:

Correspondência entre Ola Andersson e Henri F. Ellenberger (1963-1976) ............................................... 321



RECEBA NOSSAS OFERTAS
E LANÇAMENTOS

Forma de pagamento

Forma de pagamento