PSICOPATOLOGIA E DISFUNÇÃO ERÉTIL

PSICOPATOLOGIA E DISFUNÇÃO ERÉTIL

Código: 9788571372351 (CO.)

Categorias: Sexualidade / Psicopatologia

Marca: Escuta


Autor: MARIA VIRGÍNIA FILOMENA CREMASCO GRASSI

Editora: ESCUTA

Coleção:  BIBLIOTECA DE PSICOPATOLOGIA FUNDAMENTAL

Ano: 2004

Número de páginas: 304

Categoria Principal: Psicopatologia



R$105,43

até 2x de R$52,72 sem juros

1 unidade em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

Este livro propõe um diálogo de interface da psicanálise com a andrologia, buscando compreender a dimensão psicopatológica de sujeitos com problemas eréteis. Focaliza-se a disfunção erétil como sintoma do sujeito, e a "impotência" a expressão de sua implicação subjetiva nessa falha de sua virilidade, seu phatos, sua dor psíquica. Para os "impotentes" a histeria mostra-se como um paradigma fecundo na compreensão de sua psicopatologia: é para "não ter" o falo e com ele admitir o limite da castração e da incompletude dos seres sexuados, que eles recusam-se a ter (só) prazer e a responder genitalmente à excitação.

PREFÁCIO, Mário Eduardo Costa Pereira............................... 11

INTRODUÇÃO......................................................................... ......... 15

Disfunção erétil, impotência e psicopatologia .........................15

1 - MÉTODO ................................................................................ 33
A trajetória da pesquisa ........................................................33
A técnica psicanalítica ...........................................................40
O caso clínico ......................................................................44

2 - REVISÃO DA LITERATURA E RESULTADOS CLÍNICOS ........ 47
O sintoma sexual: a dor-menor que o nada.....................................48
Sintoma sexual, sexo e medicação para homens.................. 48
Sonhos: a chave para o inconsciente ...................................55
O sintoma em psicanálise ...................................................65
Impotência: sintoma psicossomático?...................................72
Masculinidade: o homem em questão ......................................78
Mudanças conceituais: a certeza do que em breve não será mais certo ........................... 79
Crise da masculinidade ......................................................84
Das controvérsias sobre a feminilidade, novas perspectivas para a masculinidade ...... 86
Identidade sexual e feminilidade primária .............................91
Masculinidade e psicanális ...............................................98
Marcas da impotência na análise de um homem ........................ 103
José - esforço para. se-ter-potência ................................... 103
Aspectos transferenciais - repetir para sobreviver ............ 105
Defesas e sintomas -atalhos para a sobrevivência psíquica. 106
O pai (d)e José - a difícil busca da masculinidade ........... 107
Uma ausência assimilada. ........................................................ 110
Uma questão fálica .............................................................. 110
O pai ....................................................................................119
Pontuações teóricas e nossa perspectiva............................ 126
Armando: a impotência que salva ........................................... 138
Sintoma e gozo......................................................................... 150
Princípio do prazer: uma barreira ao gozo.............................. 151
Uma conceituação de gozo................................................. 153
Dor: gozo do corpo .......................................................... 157
Necessidade, desejo e demanda ......................................... 159
Prazer: limite do gozo ......................................................... 163
Um outro gozo: a mulher.................................................... 166
O sujeito-sintoma impotente na disfunção erétil....................... 172
A impotência em Benedito .................................................. 172
Benedito se diz impotente ................................................... 179
(Im)potência; condição universal da civilização? ....................... 184
Morrer de sede em frente ao mar....................................... 184
O amor: esse mal-entendido ............................................... 195
Depreciação como possibilidade masculina ao prazer........ 202
Roberto: uma fantasia (HOMO) sexual..................................... 206
Roberto, homossexualidade e impotência .......................... 206
Aspectos psicopatológicos ................................................. 210
A impotência é sempre histérica ou a histeria é impotente? ...... 215
O homem histérico ............................................................. 215
Impotência e histeria .......................................................... 219
Quem é histérico diante do sexo do outro?........................ 221
Histeria e histericização ...................................................... 227
Transferência na clínica do impotente ..................................... 231
Um amor falado - o lugar do outro.................................... 231
Davi e seu amor alucinado ................................................. 234
Amor sem sexo: Carlos e (A)parição da dor com a terapeuta .......... 241
Sintoma e travessia da fantasia........................................... 252

3 - CONSIDERAÇÕES FINAIS ........................................................ 257
O impotente: um homem extra-ordinário................................ 257
Castração e gozo na psicopatologia da impotência................. 261
A felicidade morava lá para Bento .......................................... 265
Não há virilidade que a castração não consagre ..................... 266

4 - DISCUSSÃO.......................................................................... 269
Recusa do prazer como nostalgia do gozo ............................. 269
O impotente à beira da verdade .............................................. 273
Uma travessia amorosa........................................................... 275

REFERÊNCIAS ..................................................................... 279


 



RECEBA NOSSAS OFERTAS
E LANÇAMENTOS

Forma de pagamento

Forma de pagamento