LINGUAGEM E ESCRITAS DO CORPO

LINGUAGEM E ESCRITAS DO CORPO

Código: 9788577241224 (CO)


Autor: Ana Costa, Doris Rinaldi
Editora: Cia de Freud
Ano: 2014
Número de páginas: 351
Categoria Principal: Lacan

leia mais

R$60,00

até 2x de R$30,00 sem juros

2 unidades em estoque.

Em estoque

Compre com segurança

Compartilhe

A escrita do corpo tem por referência dois registros que permitem orientar uma inteligibilidade das marcas corporais: o traço simbólico e o objeto pulsional.
O traço simbólico faz referência ao ato de marcar o corpo numa função de ocupação do lugar da memória, de um traço originário, um traço que se inscreve no encontro entre o real e o simbólico. O segundo registro envia à queda dos objetos pulsionais, que fazem contorno das bordas das zonas de gozo.
A escrita do corpo é um processo em devir, que faz aparecer dois movimentos em tensão no interior do campo do parecer: aquele do desenvolvimento, ou mesmo da exibição pelas marcas e, ao mesmo tempo, aquele do velamento e da máscara.
Escrever/inscrever seu corpo consiste, com efeito, em mostrá-lo e também dissimular suas marcas, que devem ser decifradas, para traduzir a intimidade e o segredo.
Por escrever seu corpo deve-se entender escrever SOBRE seu corpo, mas igualmente escrever seu corpo em outro lugar, particularmente nos espaços de vida comum dos ambientes urbanos.

SUMÁRIO

Apresentação 9

Parte I - Corpo, arte e literatura
Corpo, dança e palavra
Doris Rinaldi 15
Escrita e arquitetura do corpo na obra de Matta-Clark
Edson Luiz André de Sousa 23
A palavra que faz corpo
Maritza Magalhães Garcia 31
Raymond Roussel: o corpo e a letra
Maria Fátima Gonçalves Pinheiro 39
Uma experiência que envolve o tempo
Luciana Brandão Carreira Del Nero 47
Fotografia, corpo, cidade: uma nova escrita do sujeito
Thoya Mosena 59
Inquietação fotográfica: um código desconhecido
André Lopes 69

Parte II - Escrita, marca e real
Afetamentos do corpo
Ana Costa 79
A cicatriz de uma ferida da qual não se conhece a natureza
Nina Virginia de Araujo Leite 89
Da cifra à letra: uma leitura do ilegível no corpo
Heloisa Caldas 99
Da voz que faz escrita entre dobras e espirais: a música e o Barroco
Renata Mattos-Avril 113
A letra no ensino de Lacan e a escrita de RSI
Ana Laura Prates Pacheco
Sonia Alberti 127
Reflexões sobre os distúrbios dismorfofóbicos na adolescência
Eric Bidaud 173
Traço, trauma e trauço
Tainá Pinto 143
Incidência do real no corpo - a escrita autobiográfica de pessoas com surdez
Viviane Espírito Santo dos Santos 159

Parte III - Escrita e inscrição
Zootecnias corpóreas: contra-arquiteturas
Ana Luiza Andrade 189
Escritas da migração: momento de partir, tempo de esquecer, tempo de contar
Miriam Debieux Rosa 203
o corpo erógeno e as inscrições do outro
Sergio Scotti 219
A vertigem do escrever: aproximações entre o OULIPO e a função da escrita
na psicose
Marco Antonio Coutinho Jorge
Julia Cristina Tosto Leite 225
Fidelidade à letra: escrita-condução pelo estreitamento
Beatriz Guimarães 235
Pichar, proscrever, dessubjetivizar. Fotografar, inscrever, subjetivar
Bethania Mariani
Vanise Medeiros 251

Parte IV- Escritas da clínica
A escrita e a invenção do afazer clínico 267
Luciano Elia
Escrita, inscrições e psicose 277
Sonia Leite
A escrita do corpo na psicose: em busca do traço? 291
Claudia Escórcio do Amaral Pitanga
A escrita no corpo nos fenômenos psicossomáticos: a psicanálise existe
para os fenômenos psicossomáticos? 301
Denise Maria Lopes Dal-Cól
Maria Cristina Poli
A escrita no osso e a fantasia fundamental
Rita Maria Manso de Barros
Marlise Eugenie DIcarahy 309
Escrita sagrada - Caso Sra. Rosa
Manuela Lanius 321
(Trans) formar: arte, psicanálise e saúde coletiva
Ana Lúcia Mandelli de Marsillac 329

Sobre os autores 343



Forma de pagamento

Forma de pagamento